Science Museum

A Lu tinha várias coisas para resolver antes de voltar para o Brasil, então aproveitei o dia para fazer mais um programa nerd, ir no museu de ciências. Mas antes de ir para lá, fui na National Gallery, afinal eu precisava ver um pouco mais de artes. O acervo da National Gallery é muito bom, consegui olhar quase todo o museu. Claro que teve partes que eu olhei rapidamente, até por quê não entendo muito de arte medieval e da historinha da biblia. Quer dizer, agora de tanto ver quadros até começo a entender alguns pedaços das histórias.

Na National Gallery eu cruzei com diversas turmas visitando o museu e fazendo trabalhos sobre história da arte. Ouvi o discurso de alguns guias, eles até que falam coisas coerentes e interessantes. Uma das coisas que me chamou a atenção foi a história sobre o concurso de beleza grego entre as três deusas, Paris, Afrodite e … . Como era proibido pintar mulheres peladas, e no concurso as três deusas ficam peladas para terem um julgamento imparcial. Alguns pintores usavam essa história para poder pintar mulheres peladas! Acho que o Rubens (not sure yet, tenho que olhar minhas anotações depois) pintou várias vezes essa cena.

Almoçei meu sanduiche na National Gallery e segui para o Science Museum. Chegando lá vi uma porção de pessoas na rua, achei estranho. Fui até a entrada e perguntei o que acontecia. O alarme de incêncio havia disparado e o prédio foi evacuado. Esperei um pouco e todo mundo voltou para dentro do museu. Foi um falso alarme, algo da reforma que estão fazendo no prédio disparou o alarme.

Para quem gosta de coisas nerds, o museu de ciências é imperdível. Logo na entrada há toda a evolução das máquinas a vapor, da primeira feita na inglaterra até a mais moderna, passando pelas diversas inovações do Watt. Como a revolução industrial começou aqui, no museu há diveras das primeiras máquinas, como teares, locomotivas, etc. Também há no museu uma parte sobre barcos, com uma quantidade enorme de modelos dos vários barcos ingleses das várias épocas do império. Na parte de matemática há uma pequena história com diversos instrumentos de contar, com incríveis máquinas que fazem análise de Fourier, outras até que resolvem equações diferenciais. Fiquei impressionado com essas máquinas, o museu está construindo o maior computador mecânico do mundo. Queria passar mais horas lá dentro, mas o museu fechou e tive que voltar para casa.

A Lu marcou uma pequena janta de despedida, convidou o Lucas, a Carine e a Ana Raquel para jantarem. A Maria preparou uma massa com tomates e muzzarela de bufala. Demos bastantes risadas e nos divertimos muito, afinal era a última noite da Lu em Londres!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *