Rodin e Pompidou

Minha idéia era novamente tentar ir na l’Orangerie, que novamente recusou minha entrada! Só abre a tarde para individuos, devia ter dito que eu era um grupo, eu e meus 16 amigos imaginários, mas acho que não ia dar certo de qualquer jeito. Então rumei pela manhã ensolarada de Paris em direção ao Museu Rodin. Caminhar por Paris é muito divertido, só tem que ter um cuidado redobrado com as minas terrestres deixadas pelos cachorros.
No museu havia uma exposição temporária de fotos que o Rodin encomendava das suas obras prontas ou ainda em processo, várias fotos tinham desenhos por cima com indicações do que ele ainda prentendia fazer. No museu, uma casa (hotel, ou sei lá, não entendi ao certo, mas parece que era um hotel no tempo do epa) muito velha, tem muitas esculturas do Rodin, algumas dos seus alunos e também algumas pinturas que ele ganhou de presentes, tipo um van Gogh, um Monet, chato ganhar isso de presente dos próprios autores né? Algumas esculturas são realmente impressionantes, outras foram interessantes de ver ao vivo pela primeira vez.
O jardim do museu é talvez a parte mais interessante do museu, nele se encontram todas as grandes obras do Rodin. Por exemplo O pensador (uma das cópias), As portas do inferno (trabalho que ele nunca acabou, e que foi fundido após a sua morte), aquele trabalho com três homens que são a mesma figura repetida, etc. O jardim também estava totalmente congelado da noite anterior, nem o fraco sol conseguia derreter o gelo formado na noite.

11422
11426
11437
11451
11457
11463
11466

Encontrei a minha irmã para o almoço. Almoçamos no Flunch, um restaurante barato que tem porções ogras! Quer dizer, tu pede uma carne, e pode colocar o quanto quiser de acompanhamentos no prato. Comi um frango, com uma entrada de salmão defumado e uma sobremesa de chocolate com avelãs. Queria fazer uma ciesta depois de tudo isso de comida, mas já estava na hora de irmos visitar o Pompidou.

11475
11481
11487
11490
11502
11508
11514

Esse prédio, como eu tinha dito antes, é genial. Outra atração pra lista MUST_SEE_WHILE_IN_PARIS. Se você veio a Paris e não visitou o Pompidou, trate voltar agora e visitar!! O museu de arte moderna e contemporânea que tem dentro do Pompidou é bem legal, a parte de arte moderna é bem melhor que a de contemporânea. Vi vários Matisses, toda a série de Mr. & Mrs. Woodman do Man Ray (veja foto abaixo), alguns trabalhos do Beuys. Tinha também uma exposição temporária do arquiteto do prédio Richard Rogers. Se eu já estava fascidado com a arquitetura do prédio depois de ver todas os projetos dele passei a gostar ainda mais. Descobri que o aeroporto que vamos pousar no domingo é dele, preciso tirar fotos!

11511
11517
11520
11523
11526
11529
11532

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *